Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bluegazine

Sabe o que vem aí

Braga Summer End ao Som dos Anos 80

braga.jpg

Boney M., Cock Robin e La Frontera são os ‘cabeças-de -cartaz’ deste evento musical que irá marcar o fim do verão na região e que serve de mote para celebrar o primeiro aniversário do Altice Forum Braga. A noite promete ser inesquecível, com muitos momentos para celebrar em família, com amigos ou com colegas de trabalho com uma viagem ao som de grandes êxitos musicais como o Funk, Disco Pop, Rock, e outras incursões musicais.

A abertura de portas para os concertos ao vivo estão previstas para as 21h, segue-se com muita animação musical A Festa M80, com os com os DJ´s Francisco Gil e Jay Lion e do DJ Motinha, por volta das 0h30. 

A noite, que será de arromba, com diversão até de madrugada, está marcada para o Pavilhão do Altice Forum Braga no próximo dia 28 de setembro, devidamente decorado ao estilo das décadas de 80 e 90, com diversos bares e áreas de lazer, com uma zona Arcade, zonas de convívio e uma gigantesca pista de dança, animada por dj’s de renome, que irão passar música com os hits de maior sucesso, bem conhecidos do público.

Planetiers World Gathering em Abril na Altice Arena

plan.jpg

O Planetiers World Gathering foi apresentado esta semana na Altice Arena numa sessão que contou com as participações de Jorge Vinha da Silva, CEO da Altice Arena, Luís Araújo, Presidente do Turismo de Portugal, Sérgio Ribeiro, CEO da Planetiers e uma mesa de discussão moderada por Pedro Pinto da TVi e José Sá Fernandes, Vereador da Câmara Municipal de Lisboa.

Também presentes estiveram Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo e o Ministro do Ambiente e Transição Energética, João Matos Fernandes.

No Planetiers World Gathering, o maior evento do mundo em inovação sustentável, oferecem-se todas as soluções sustentáveis num sítio só. O desafio é assistir aos lançamentos dos produtos mais cool e green do mercado, descobrir o que é que as cidades e os municípios andam a fazer para garantir um futuro sustentável aos seus habitantes, e aprender com os mais de cem speakers ansiosos de partilhar as suas histórias, aprender com os workshops e tornar-se um Planetier neste encontro mundial que promete ficar para a história. 

Daymond Jonh, o conhecido tubarão da série Shark Thank e Joel Sartore, o fotógrafo internacional e fundador do projeto PhotoARk, já têm presença marcada para Lisboa e estão prontos para fazer história.  

Em abril de 2020, o caminho para a mudança só tem um destino: a Altice Arena, em Lisboa. 

Santa Casa Alfama, o Festival do Fado Está de Regresso

fado.jpg

O grande Festival de Fado regressa a Alfama nos próximos dias 27 e 28 deste mês, como já é tradicional.

Pelo segundo ano, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa dá o nome aquele que é o grande festival anual do Fado da cidade de Lisboa: o Santa Casa Alfama.

O Festival decorre em pleno coração de Alfama, o bairro onde nasceu o Fado, e dá voz e palco a novos e “antigos” talentos. Abre também portas a alguns dos locais mais importantes e históricos da cidade, através de concertos a decorrer em várias salas, em simultâneo.

Os palcos com curadoria do Museu do Fado encontram-se no terraço do restaurante do Museu (A Travessa do Fado) e no Largo do Chafariz de Dentro. 

Conheça a programação:
 
Dia 28
 
Palco no Largo do Chafariz de Dentro
19:30 - 20:15  Ângelo Freire
22:30 - 23:15  António Parreira, Paulo Parreira e Ricardo Parreira

Palco no Terraço do Museu do Fado
20:30 - 21:15  João Chora
21:30 - 22:15  Teresa Tapadas


Dia 29

Palco no Terraço do Museu do Fado
19:30 - 20:15  Cristina Maria
20:30 - 21:15  Carlos Leitão

Palco no Largo do Chafariz de Dentro
21:30 - 22:15  Marta Pereira da Costa
22:30 - 23:15  Pedro Jóia
 

Dulce Pontes, Paulo Bragança, Maria da Fé, Raquel Tavares, Paulo de Carvalho, Alexandra, Maria Emília, António Pinto Basto e Maura são outros dos nomes que integram o cartaz de palcos como o Ermelinda Freitas (Largo das Alcaçarias), o Palco Amália (Auditório Abreu Advogados), o Grupo Sportivo Adicense, a Igreja de São Miguel, a Sociedade Boa União, o Centro Cultural Dr. Magalhães Lima, a Igreja de Santo Estêvão e o Fado à Janela, no Largo de São Miguel.
A grande novidade deste ano é o Palco Santa Casa Alfama, situado no Rooftop do Terminal de Cruzeiros de Lisboa. 

Amar Amália a 5 de Outubro na Altice Arena

amar amália.jpg

O espetáculo que homenageia Amália Rodrigues pela voz de vários artistas lusos volta a subir a palco em outubro.

Dia 5 de outubro, véspera do aniversário da morte da diva do fado, regressa à Altice Arena.

Assim, há nova data para o espetáculo Amar Amália, que se estreou no dia 16 de fevereiro, na Altice Arena. Essa noite ficou aqui documentada: Amar Amália na Altice Arena: Uma Noite de Homenagem

Sob a direção artística de Diogo Clemente e Tiago Pais Dias, foram várias as vozes que homenagearam Amália Rodrigues neste momento, nomeadamente Paulo de Carvalho, Dulce Pontes, Marco Rodrigues, Amor Electro, Maria Emília, Sara Correia e Vanessa da Mata. Em outubro o espetáculo volta a Lisboa.

No dia 5 de outubro, véspera do aniversário da morte de Amália Rodrigues, o espetáculo regressa a Lisboa, à Altice Arena, com os convidados : Dulce Pontes, Simone de Oliveira, Paulo de Carvalho, Marco Rodrigues, Amor Electro, Aurea e Jorge Palma. Este novo concerto foi apresentado em Lisboa, na Fundação Amália Rodrigues.

Vinte anos depois do desaparecimento da diva do fado, Amar Amália promete, acima de tudo, lembrar, sentir e renovar o espírito da fadista, não sendo só para atingir o público contemporâneo de Amália, mas também atrair novas gerações pela voz de cantores que interpretam as suas próprias versões do reportório eternizado pela fadista.

Tim Bernardes na Casa da Música no Dia 23

tim.jpg

Tim Bernardes vai estar no Porto em setembro. Um concerto marcado para a Casa da Música no próximo dia 23 de setembro.
Ele que é músico, compositor, produtor musical e multi-instrumentista e já trabalhou com nomes como Tom Zé e David Byrne, entre outros.

Com a sua banda, O Terno, tem três discos e um EP lançados, todos com composições da sua autoria. A solo estreou-se em Setembro de 2017 com “Recomeçar” que esteve nas principais listas de melhores álbuns desse ano, consolidando Tim Bernardes como um dos grandes compositores brasileiros de sua geração.

Caetano Veloso não lhe poupa elogios: “Uma maravilha de afinação, controle da dinâmica, refinamento, execução instrumental e liberdade na elegância do uso do palco e da luz - além das composições personalíssimas de caminhos fascinantemente desviantes… Tive certeza de que a música brasileira é forte sempre. Quem vê um show de Tim Bernardes não pode nem acompanhar o movimento mental de quem diz que nossa canção hoje não tem valor.”.

Fora do Brasil o trabalho também recebeu reconhecimento, com a nomeação para o Grammy Latino de 2018 como Melhor Álbum de Música Alternativa em Língua Portuguesa.

“Recomeçar”, nome do single e do álbum a solo de Tim Bernardes, dá título à curta-metragem/documentário em que, além de um making of do videoclip em que o artista desmonta um piano no meio da natureza, explora os motivos por trás da acção e desvenda um pouco do processo de reflexão e de composição do músico brasileiro:

 

VillaMix Lisboa 2019 na Altice Arena: Duas Noites de Sabor a Brasil

69879026_2913696728647402_6798461582029357056_n.jp

Esta imagem de Gusttavo Lima ilustra na perfeição o sucesso desta edição do VillaMix em Lisboa. Uma versão revista, melhorada e aumentada em relação a 2018. 

O evento passou a ter duas noites e o cartaz aumentou consideravelmente, tal como o espaço da Altice Arena dedicado ao VillaMix. Mais pontos de comida e bebida, diferentes áreas de descanso e várias possibilidades de acesso ao festival. 

Na sexta feira, dia 13 de setembro, e nos sábado, dia 14, a maior sala de espetáculos de Portugal registou sempre casa cheia com uma dedicação incrível do público aos músicos.

Um ambiente bem brasileiro mas com muitos portugueses misturados na plateia. 

Passaram pelo palco da Altice Arena os Djodje, Simone e Simaria, Jorge e Mateus, Wesley Safadão, Matheus e Kauan, Calema, Gusttavo Lima, Luan Santana e Alok.

Diferentes estilos, diferentes propostas mas com um só objetivo comum, unir a plateia numa celebração de música maioritariamente brasileira criando assim duas noites de enorme festa e dança até altas horas da madrugada. 

Um enorme sucesso, é o balanço do VillaMix Lisboa 2019.